6 Vantagens do Interfaceamento Laboratorial de Equipamentos

 Vanteagens do Interfaceamento

Processos inovadores podem aumentar o faturamento de seu laboratório, entre outros benefícios

Hoje as empresas que conseguem automatizar seus processos são aquelas que estão na vanguarda em seus setores. Por isso o interfaceamento laboratorial de equipamentos é um assunto tão recorrente neste ramo.

Em uma área onde as falhas devem ser próximas de zero, utilizar equipamentos e softwares que auxiliem na gestão laboratorial e diminuam processos manuais se torna essencial para garantir mais eficiência, segurança e produtividade.

O interfaceamento laboratorial permite que os equipamentos se comuniquem diretamente com o Sistema de Informação Laboratorial (LIS), o software que faz a gestão de todas as informações de exames, pacientes, laudos, etc.

Isso evita falhas humanas, erros de digitação ou transcrição nos laudos, comunicação de resultados, identificação de pacientes ou amostras, dentre vários outros erros que podem diminuir a qualidade do serviço prestado, minar a produtividade da equipe e colocar em risco a segurança no atendimento.

A seguir, vamos nos aprofundar um pouco mais nas vantagens que este interfaceamento pode gerar para o seu laboratório e como aplica-lo ao seu negócio.

Aumento de produtividade

O interfaceamento laboratorial permite uma integração entre as diversas áreas da empresa, facilitando a troca de informações.

Softwares que fazem este tipo de trabalho auxiliam no controle de integração que há entre recepção, coleta, triagem e área técnica, fazendo até mesmo a etiquetagem para tubos de ensaio, onde são recolhidas as amostras. 

Sem um sistema especializado, a digitação e liberação de laudos costuma ser realizada manualmente. Isso diminui consideravelmente a produtividade da equipe, que precisa dispender de bastante tempo para fazer toda a organização destas informações. Além da demora no registro, existem as demoras em cada manipulação manual ao longo de todo o processo.

Com um LIS interfaceado aos equipamentos o processo se torna mais dinâmico e rápido: 

  • Após realizado o atendimento do paciente são criadas as etiquetas com os números das amostras e seus códigos de barras;
  • O colaborador só tem a incumbência de colar a etiqueta no respectivo tubo indicado pelo sistema antes das amostras serem coletadas;
  • O LIS gera um arquivo de ordem com os dados dos exames, o sistema de interface importa esse arquivo e envia para os equipamentos; No SCOLA este processo é único, integrado ao BD, sem necessidade de importação exportação. Também há listas, onde é possível transmitir, enviar e receber respostas instantaneamente.
  • Através da leitura do código de barras os equipamentos realizam o exame informado;

Isso aumenta bastante a produtividade do laboratório, que diminui a interferência humana no processo e torna a análise e liberação de resultados muito mais rápida.

Diminuição de erros e falhas

Como já citamos anteriormente, o interfaceamento laboratorial diminui a interferência humana e aumenta a automatização de processos. Isso faz com que erros e falhas sejam quase nulos.

Com o interfaceamento é possível, por exemplo, inserir um valor de referência, como a taxa de glicose entre 60 e 90 mg/dL. Ao analisar um resultado fora deste valor de referência o Sistema de Informação Laboratorial (LIS) identifica o erro e impede que o exame seja liberado automaticamente.

Dessa forma, o gestor pode solicitar uma nova análise, verificar se há erros em equipamentos ou em algum processo e, assim, corrigir falhas e garantir a segurança de todos os trabalhos realizados.

Redução de custos

Com maior produtividade e menos erros e falhas, os recursos passam a ser utilizados de maneira mais inteligente e eficiente e, assim, os custos operacionais são reduzidos. 

Com o interfaceamento laboratorial de equipamentos é possível diminuir custos com funcionários ociosos, controlar melhor o uso de insumos, diminuir gastos relativos a material de escritório e papelaria, que passam a ser menos utilizados, visto que a maioria das interações passa a ser virtual e automatizada.

A diminuição de erros garante menos gastos com retrabalho e, principalmente, com processos judiciais e danos à imagem do laboratório em casos de falhas em procedimentos que possam prejudicar clientes.

Um simples erro em um exame pode custar a vida de um paciente e significar a falência de um laboratório de análises clínicas.

Diminuição do tempo de espera

Com toda a agilidade promovida pelo sistema de interfaceamento é possível diminuir o tempo de espera do laboratório.

Como há menos interferência humana, mais agilidade na troca de informações, na coleta e análise dos dados e na confecção dos laudos, o tempo que o cliente espera até que tenha o retorno do seu exame fica reduzido.

E quando falamos em análises laboratoriais, lembramos que cada segundo é precioso quando o assunto é saúde. Quanto mais rápido e assertivo for o resultado do exame, mais chances um paciente tem de ser curado.

Maior competitividade

Todos estes fatores citados tornam o laboratório muito mais competitivo. Dessa forma ele pode se tornar referência em sua região por conta de seus serviços prestados.

É possível, assim, competir igualmente com outros laboratórios, conseguir melhores oportunidades, inclusive como apoiador de outros laboratórios.

Com a garantia de serviços de excelência é possível adquirir certificações de qualidade e acreditações que tornam o laboratório referência em seu ramo de atuação.

Administração de amostras controle

Mais uma vantagem em interfaceamento inteligente, interfaceamento pode administrar amostras controle do Controle Interno de Qualidade integrado à rotina. Ou seja, no horário estabelecido para rodar as amostras de controle, elas são simplesmente acrescentadas às amostras de produção que o equipamento vai processar. O Interfaceamento e o LIS se encarregam de tratar cada uma de acordo com seu processo.

Como fazer o interfaceamento laboratorial de equipamentos?

Se seu laboratório ainda não conta com esse tipo de software, saiba que o processo pode ser mais simples do que você imagina.

Através do Sistema SCOLA seu laboratório tem interfaceamento integral e próprio, sem a necessidade de uma segunda ferramenta de comunicação entre o software e o aparelho. 

Com esse fim da dupla liberação de exames, os resultados interfaceados chegam ao sistema como digitados e precisam apenas da liberação do bioquímico para estarem, em tempo real, à disposição para impressão e acesso na Web.

O Sistema auxilia a organizar as rotinas de exames a serem interfaceados, alertando o que há de mais prioritário.

Este software possui possibilidade de interfaceamento já disponível para diversos aparelhos do mercado. Sendo assim, não serão necessárias configurações adicionais e outros ajustes específicos. Para novos equipamentos, os drives são elaborados sem custo para o cliente.

É só instalar e utilizar. Isso vai garantir que seu laboratório possa crescer com segurança, garantindo mais eficiência, lucratividade e, claro, preservando o bem mais precioso de seus clientes: a saúde.

 

Comentários (0)

500 caracteres restantes

Cancel or